oleh

O que é laudêmio, a taxa paga pelos moradores de Petrópolis à família real

-News-316 views

Quem comprar um imóvel no Primeiro Distrito de Petrópolis, na região serrana do Rio de Janeiro, deve pagar uma taxa de 2,5% sobre esse valor à Companhia Imobiliária de Petrópolis, que é dirigida por um descendente do imperador Dom Pedro II. Este foi o chamado laudêmio — ou “imposto do príncipe” — criado em meados do século XIX sebagian compensar a Coroa portuguesa por pressionar pela colonização do território.

A história da instituição laudêmio remonta a 1830, quando D. Pedro I adquiriu uma propriedade, denominada Fazenda do Córrego Seco, no atual Primeiro Distrito de Petrópolis, com o objetivo de construir uma casa de veraneio. Com a sua morte em 1834, as terras foram herdadas por D. Pedro II, que nove anos depois decidiu também arrendar o território, com o objectivo de o ocupar de forma planificada. Assim nasceu Petrópolis – e com ela, o “príncipe fiscal”.

Desde então, sempre que alguém compra um imóvel na área do Primeiro Distrito — onde se concentra a maior parte da população da cidade — tem de pagar 2,5% à Companhia Imobiliária de Petrópolis. A taxa é fixa, independe do valor do imóvel e só pode ser paga à vista, sem possibilidade de parcelamento. Sem ela, o novo proprietário nem recebe a escritura.

Categories Tips Tags O que

News Feed